sábado, junho 15, 2024

em alta

spot_img

Hostel na Vila Madalena recebe primeira edição do Hostel Camp

Programação social intensa mostra que essa ‘gente de hostel’ sabe trabalhar e se divertir ao mesmo tempo

A partir de quarta-feira, 24, profissionais de hostels de diversos lugares do Brasil estarão em São Paulo para três dias de encontros, capacitação e troca de experiências. Depois de quase dois anos sem encontros presenciais, a galera dos hostels participará do Hostel Camp, programação criada por e para quem faz hostel no Brasil.

O encontro foi pensado como uma complementação ao conteúdo de hostel que será apresentado na Equipotel 2021, no dia 25 de novembro, quando a hostelaria tomará conta da Arena do Saber na maior feira de hospitalidade da América Latina.

“O mercado estava muito ansioso para se encontrar, só um dia de conteúdo não daria conta de tudo que precisamos trocar de ideias e experiências depois desse período”, conta Marina Moretti, curadora da Hostel Hour na Equipotel e idealizadora do Hostel Camp.

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO COMPLETA DO HOSTEL CAMP

A programação começa na quarta-feira, 24, com uma reunião geral da hostelaria nacional, a partir das 16h. Logo depois, às 17h, Eric Faria, fundador da Worldpackers falará sobre o novo posicionamento da plataforma, referência mundial em turismo colaborativo.

O pessoal do Paradiso Hostel, em Paraty, assume a programação às 17h30 para abordar práticas sustentáveis em hostels e, às 18h, Vinícius Fiore, do Green Haven Hostel, em Ubatuba, comandará uma grande roda de conversa entre os presentes para abordar as iniciativas, dores e soluções encontradas durante a pandemia. 

“Quem estará no evento é porque conseguiu manter seu hostel aberto na pandemia. Sabemos que não foi fácil e que cada um criou uma nova forma de criar receita e enxugar custos”, diz Vinícius que será o facilitador da roda de conversa e troca de experiências vividas durante o período pandêmico. O primeiro dia será encerrado com o Welcome Happy Hour Cloudbeds.  

Na quinta-feira será o dia da programação oficial na Equipotel e, depois de saírem do pavilhão do evento, voltam para a Vila Madalena para o já tradicional Baile do Pancho, festa latina que anda agitando Ô de Casa nas últimas semanas.

Ô de Casa Hostel – Vila Madalena Divulgação

Para quem quiser esticar a noitada, o Nossa Casa, famosa casa noturna da Vila, abriu suas portas para receber os participantes do evento com entrada gratuita.

Na sexta, 26, os hosteleiros e hosteleiras aproveitarão a estadia em São Paulo para visitas técnicas em lugares como o Hotel Unique, Ibis Styles Faria Lima e o Motel Lush. A festa de despedida será no no clássico pub irlandês O´Malley´s.

“Foi muito gratificante ter a adesão de grandes players do turismo como patrocinadores do nosso conteúdo. Mostra que a hostelaria está viva, forte e atraindo cada vez mais a atenção do trade”, comemora Marina.

O conteúdo deste ano só é possível graças ao patrocínio de empresas como o Cloudbeds, sistema de gestão de propriedades; a Hostelworld, plataforma pioneira no mercado de hostels; a Worldpackers, start up brasileira referência mundial na intermediação de turistas colaborativos; e Booles, empresa focada em tecnologia para meios de hospedagem.

O Brasil Hostel News, como parceiro de mídia do evento, fará a cobertura completa do evento, dos painéis e entradas ao vivo pelas redes sociais. Então, quem aí não puder ir para São Paulo, é só ficar de olho no nosso canal do youtube e no instagram.

Diego Bonel
Diego Bonel
Jornalista especializado na cobertura do mercado de hostels no Brasil. Desde 2017, está mergulhado na vivência dos hostels pelo país. Adora conhecer as histórias dos viajantes pelo caminho e criou o Brasil Hostel News para compartilhar a cultura hosteleira entre os viajantes brasileiros.

Leia Também

Pular para o conteúdo